Ativista adota ninhada de gatos que teve os olhos perfurados

Ativista adota ninhada de gatos que teve os olhos perfurados

No dia 25 de novembro, Jubi Santana, escreveu em seu perfil no Facebook: “Ontem eu vim aqui e apresentei 3 gatinhos que tiveram seus olhos perfurados como sendo novos resgatadinhos pelo projeto Enquanto Houver Chance. Hoje eu venho aqui e apresento a vocês os 3 novos membros da minha família: Waffle, Cheescake e Cupcake”.

Dessa maneira assumiu publicamente a adoção da ninhada vítima de uma crueldade monstruosa. “A decisão de adotá-los não foi só minha. Minha tia não quis separá-los, começou a chorar, e de repente era impossível doar”, explica a ativista que acabou de voltar da África da Sul, onde esteve voluntariando na Moholoholo Rehab Centre, uma instituição que assim como o seu projeto Enquanto Houver Chance (em São Paulo), recupera animais que sofreram agressões de humanos.

A ninhada cega percorreu um longo caminho até chegar às suas mãos e ao seu projeto. Os gatinhos foram recolhidos da rua por uma protetora chamada Fabiana. Eles já apresentavam as lesões e nada se sabe sobre qual ou quais pessoas praticaram o crime bárbaro. Fabiana acionou Renny Barcelos, também ativista da proteção animal, que fez a história chegar até Jubi Santana e o Enquanto Houver Chance.

No dia 24 de novembro reuniram-se na clínica Bichos e Vets para efetivar o abrigo dos pequenos vulneráveis e para suporte médico do Dr. Walter Figueira e da Dra. Karen Cristina Santos.

Os gatinhos estão muito bem de saúde e são divertidíssimos.

Para notícias deles e para conhecer e ajudar o projeto que os amparou acesse https://www.facebook.com/enquantohouverchance/ no Facebook.

Por Eduardo Pedroso

Fonte: Olhar Animal

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.