EUA miami sealion thumb

Ativistas protestam contra show de leões marinhos em mega shopping center de Miami

Por Jonathan Kendall / Tradução de Marli Vaz de Lima

EUA miami sealion

As propostas para um novo mega shopping chamado American Dream Miami (Sonho Americano de Miami) são manchetes internacionais, especialmente desde que o projeto inclui uma montanha russa, um parque aquático e até uma pista de esqui. O plano também teve críticas de todo mundo, de políticos a economistas. Mas agora uma nova onda de oposição está se levantando.

Ativistas dos direitos dos animais estão organizando protestos contra os planos do shopping, que incluem um show permanente de leões marinhos.

“Se este ridículo show de leões marinhos for feito, estes animais serão expostos a uma situação nada natural”, diz o ex-treinador de golfinhos da Marinha Rick Trout. Ele ajudou a denunciar o tratamento antiético dos animais na Marinha.”Estes leões marinhos da Califórnia pertencem às suas colônias de leões marinhos da costa da Califórnia, não a um shopping center do sul da Flórida.”

Triple Five, a companhia canadense que está por trás do desenvolvimento do American Dream Miami não tem retornado ligações ou e-mails do New Times sobre este tema; atualizaremos esta notícia se obtivermos retorno. O grupo, que opera o Mall of Americae o massivo shopping West Edmonton, e está construindo um outro shopping center gigante em New Jersey, propõe construir o mega shopping no noroeste de Dade.

Trout, que mora em Tavernier, diz que os ativistas dos direitos dos animais têm muitas razões para se preocuparem com a exibição dos leões marinhos. Primeiro, o aroma nocivo que vem de qualquer habitat do leão marinho teria que ser combatido com fortes produtos químicos, como o cloro industrial. Isto, por outro lado, poderia ter efeitos adversos nos mamíferos marinhos.

“Sua dieta normal é peixe e lula e o que entra tem que sair, e o subproduto de sua dieta é um dos mais terríveis odores que você não desejaria em nenhuma situação, muito menos em um shopping onde as pessoas fazem compras,” conta Trout ao New Times.

Com os Irmãos Ringling recentemente planejando retirar os elefantes de seus shows, e batalhas judiciais esquentando sobre Lolita, a baleia orca do aquário marinho de Miami, Trout acredita que o público está se virando contra o entretenimento que usa animais.

“Na sociedade esclarecida de hoje, isso só pode sair pela culatra”, diz ele.” Este projeto vai contra o próprio progresso que tem sido feito por pessoas que são sensíveis ao sofrimento dos animais em cativeiro.”

EUA miami skislopemall

Fonte: 

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.