Autônomo resgata cachorro baleado em rua e procura alguém que possa adotá-lo, em Itumbiara, GO

Autônomo resgata cachorro baleado em rua e procura alguém que possa adotá-lo, em Itumbiara, GO
Cachorro foi resgatado após ser baleado na barriga, em Itumbiara — Foto: TV Anhanguera/Reprodução

Um trabalhador autônomo resgatou um cachorro que foi baleado em uma rua de Itumbiara, região sul de Goiás. Voluntário de uma Organização Não-Governamental (ONG) que cuida de animais abandonados, Vagner Martins levou o bicho para uma clínica veterinária, onde chegou com vários ferimentos e precisou ser operado. Agora, com o pet em recuperação, ele busca alguém que possa adotá-lo.

VÍDEO: Voluntário socorre cachorro baleado na rua e busca novo lar para o animal, em Itumbiara

O cãozinho, que ainda não tem nome, foi encontrado na segunda-feira (15). Pessoas que o viram avisaram Vagner sobre a situação, que se prontificou imediatamente em ajudá-lo.

“Ele foi baleado, mas ninguém viu [como aconteceu]. Ninguém me deu nenhum detalhe porque eu já peguei e vim com ele rápido para dar socorro, porque ele estava sangrando muito”, lembra.

Como já tem vários cães e gatos em casa, o autônomo agora procurar um novo lar para o bicho.

Recuperação

O cachorro foi baleado na barriga, teve hemorragia, três costelas quebradas e até mesmo uma parada cardíaca. Ele está se recuperando, mas ainda não consegue mover as patas traseiras. Somente com o decorrer do tratamento é que será possível saber se a lesão poderá ser revertida.

Apesar disso, para o veterinário Glem Dexter o fato do animal ter sobrevivido já pode ser considerado um milagre. Ele criticou a violência contra o bicho.

“A localidade que ele [projétil] passou foi muito perto do coração. Ali podia ceifar a vida daquele animal naquele momento. O que a gente vê é a maldade nas pessoas. Se o animal já está na rua, não custa ajudar. Não é assim que a gente vai resolver problemas da cidade, não é dando tiro, ceifando a vida de animais assim, não”, afirma.

Após três costelas quebradas e parada cardíaca, cãozinho se recupera à espera de novo lar — Foto: TV Anhanguera/Reprodução
Após três costelas quebradas e parada cardíaca, cãozinho se recupera à espera de novo lar — Foto: TV Anhanguera/Reprodução

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.