Autoridades chinesas apreendem três toneladas de partes de pangolins

Autoridades chinesas apreendem três toneladas de partes de pangolins
Foto: Reuters

Há atualmente no mundo oito espécies de pangolim, um pequeno mamífero oriundo de África e do sudoeste asiático, e todas elas estão sob ameaça de extinção.

Este pequeno animal é popular na gastronomia de países como a China, a Indonésia e o Vietname e é precisamente nestes países que decorre a maior parte do tráfico ilegal.

Embora o comércio deste animal tenha sido proibido pelo comité da Convenção Internacional sobre o Comércio de Espécies Ameaçadas (CITES), uma recente apreensão das autoridades chinesas mostra que o problema está ainda longe de ser resolvido.

Como dá conta o Huffington Post, foram apreendidas na China perto de três toneladas de partes de pangolins. Estavam escondidos em mais de uma centena de sacos que, à primeira vista, pareciam ser de madeira. Uma inspeção em Xangai permitiu pôr fim a este esquema.

Segundo estimativas das autoridades, entre cinco mil a 7500 destes animais terão morrido para compor este carregamento agora apreendido e avaliado em mais de dois milhões de dólares.

Por Pedro Filipe Pina 

Fonte: Notícias ao Minuto / mantida a grafia lusitana original

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.