Baleia é retirada de Aracruz (ES) e exame comprova morte por rede de pesca

Baleia é retirada de Aracruz (ES) e exame comprova morte por rede de pesca

Animal estava em local de difícil acesso e foi retirada com escuna. Baleia jubarte era um macho de 35 toneladas e 11 metros de comprimento.

A baleia jubarte que foi encontrada morta na Praia Formosa, em Aracruz, na região Norte do Espírito Santo, foi retirada do mar pela prefeitura do município, Instituto Jubarte e a Polícia Militar Ambiental nesta quarta-feira (6).

Uma autópsia foi feita no animal após a remoção e comprovou que a baleia morreu por causa de uma rede de pesca, que estava enrolada no corpo dela. A prefeitura informou que os especialistas acreditam que rede tenha machucado o animal e provocado uma infecção. O animal era um macho de 35 toneladas e 11 metros de comprimento.

A prefeitura disse que a ação para retirar o animal utilizou uma escuna e foi demorada porque a baleia estava presa em uma região de corais, em um local de difícil acesso.

A prefeitura ainda informou que o animal foi enterrado, mas que a localização não será divulgada para não atrair a atenção de curiosos.

A presença das baleias dessa espécie no litoral capixaba é comum entre os meses de junho e novembro.

Durante o verão, elas frequentam as águas polares para se alimentar e, durante o inverno, as águas tropicais e subtropicais para dar à luz.

Fonte: G1

Mais notícias

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.