Bauru (SP) realiza última etapa da vacinação antirrábica

Bauru (SP) realiza última etapa da vacinação antirrábica
Neste domingo (30), foram vacinados 2.815 cães e 482 gatos

A Secretaria Municipal de Saúde concluiu, neste domingo (30), a última etapa da Campanha de Vacinação Antirrábica na Zona Urbana de Bauru. Das 9h às 17h, o Departamento de Saúde Coletiva contou com pontos de vacinação nos bairros Vila Aymorés, Cohab Quinta da Bela Olinda, Distrito Industrial I, Jardim Guadalajara, Núcleo Isaura Pitta Garms, Jardim Ivone, Parque Manchester, Jd. Nicéia, Núcleo Octávio Rasi, Parque Das Nações, Vila Sta Terezinha, Jardim Tangarás, Distrito de Tibiriçá, Vale do Igapó e Bauru Shopping.

Neste domingo (30), foram vacinados 2.815 mães e 482 gatos. Já no total, desde o início da campanha de vacinação antirrábica, e incluindo a área rural, 27.179 animais receberam a vacina, sendo 23.426 cães e 3.753 gatos. De acordo com prefeitura, a chuva atrapalhou o trabalho de três equipes volantes que realizavam vacinação casa a casa no Jardim Manchester, Tibiriçá e Aimorés. Em Bauru estima-se que a população de animais em 2018 seja de 45.000 animais, sendo 40.000 cães e 5.000 gatos. A meta de cobertura é de 80% do total estimado, ou seja, 36.000 animais.

A meta de cobertura é de 80% do total estimado, ou seja, 36.000 animais

“O resultado total de 27.179 animais vacinados poderá sofrer alterações durante a semana, pois faltam fechar dados de rotina do ambulatório deste mês, vacinações domiciliares, rescaldos de postos fechados com a chuva e outras informações de clínicas veterinárias particulares”, explica Mário Ramos, diretor do Departamento de Saúde Coletiva de Bauru.

Quem ainda não vacinou seu cão ou gato pode procurar o Centro de Zoonoses de Bauru – CCZ, de segunda a sexta, das 8h às 16h30. No decorrer da semana, a Secretaria de Saúde fornecerá os dados definitivos da vacinação antirrábica. O Centro de Controle de Zoonoses fica na rua Henrique Hunzicker, s/n, Jardim Redentor /Cecap, próximo ao Cemitério do Jd. Redentor. Telefone: (14) 3103-8050.

 

Fonte: JC

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.