Bombeiros resgatam cachorro de rua que caiu em uma cratera em Londrina, PR

Bombeiros resgatam cachorro de rua que caiu em uma cratera em Londrina, PR
MORADORES VIRAM O CACHORRO NO FUNDO DA CRATERA E CHAMARAM O CORPO DE BOMBEIROS PARA FAZER O RESGATE. IMAGENS: LUCAS DE JESUS

Na manhã desta quinta-feira, (21), o Corpo de Bombeiros foi acionado para fazer o resgate de um cachorro de rua que caiu no fundo de uma cratera em Londrina.

DE ACORDO COM MORADORES O CÃO TERIA CAÍDO NO BURACO LOCALIZADO NA RUA ALEXANDRE SAHYUN, NO BAIRRO JARDIM NEMAN SAHYUN, DURANTE A MADRUGADA. IMAGEM: LUCAS DE JESUS
DE ACORDO COM MORADORES O CÃO TERIA CAÍDO NO BURACO LOCALIZADO NA RUA ALEXANDRE SAHYUN, NO BAIRRO JARDIM NEMAN SAHYUN, DURANTE A MADRUGADA. IMAGEM: LUCAS DE JESUS

Moradores acionaram o socorro

De acordo com moradores o cão teria caído no buraco localizado na rua Alexandre Sahyun, no bairro Jardim Neman Sahyun, durante a madrugada.

Ao amanhecer os moradores viram o animal no fundo do buraco e acionaram o socorro.

Dois socorristas foram os responsáveis pelo resgate. Um deles fez um rapel, desceu pelo buraco, amarrou o cachorro que foi içado para fora da cratera.

O cachorro saiu, aparentemente, sem ferimentos e foi liberado no local.

DOIS SOCORRISTAS FORAM OS RESPONSÁVEIS PELO RESGATE. IMAGEM: LUCAS DE JESUS
DOIS SOCORRISTAS FORAM OS RESPONSÁVEIS PELO RESGATE. IMAGEM: LUCAS DE JESUS
UM DELES FEZ UM RAPEL, DESCEU PELO BURACO, AMARROU O CACHORRO QUE FOI IÇADO PARA FORA DA CRATERA. IMAGEM: LUCAS DE JESUS
UM DELES FEZ UM RAPEL, DESCEU PELO BURACO, AMARROU O CACHORRO QUE FOI IÇADO PARA FORA DA CRATERA. IMAGEM: LUCAS DE JESUS

Buraco começou a abrir há mais de uma semana

O grande problema, segundo a população, é a cratera começou a se abrir há mais ou menos uma semana e meia por conta das fortes chuvas.

Eles dizem, ainda que, a cada dia que passa, mais a terra cede e mais o asfalto vai para dentro do buraco.

De acordo com a Prefeitura, a reforma ainda depende de orçamento.

Fonte: RIC Mais

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.