Buldogue explorada para reprodução é abandonada

Buldogue explorada para reprodução é abandonada

SP branca buldogue reprodicao abandonada coluna dos bichos horizonte ms

Sabe aquele filhotinho de raça, que custa fortunas e é vendido no pet shop?

Pois bem. Ele pode ser fruto de uma cachorra triste e miserável, que passou a vida presa e grávida, usada para reprodução. Assim como um objeto velho e sem serventia, quando não pode mais procriar, o cão explorado é descartado para não ocupar espaço e gere prejuízo.

A buldogue Branca é uma dessas infelizes. Ela foi usada como matriz, nome dado a cães de reprodução. Cada filhotinho dela custava, em média, R$ 5 mil.

Exausta e faminta, a pequena foi achada na rua, em SP. Levada ao veterinário, teve alguns ataques epiléticos.

No ultrassom, foram identificadas as marcas de inúmeras cesáreas. Branca tinha tumores no baço e nas mamas. O exame de sangue revelou anemia. O raio-x da pata mostrou que estava quebrada havia 10 dias, provavelmente após o abandono.

Luli Sarraf, empresária e protetora, publisher do Calendário Celebridade Vira-lata, esteve com Branca e foi uma das que tentou salvar a menina. Em vão.

— Depois de 4 dias, ela se alegrou. Ficamos animados, pois iríamos tratá-la e encaminhar para adoção. Mas Branca faleceu. Morreu acolhida e sem dor, mas desistiu da vida depois do sofrimento.

Cães de raça são explorados, passam a vida prenhe, presos, e, depois de velhos, são abandonados cheios de tumores e doenças, para não dar prejuízo. Isso para que você possa comprar um pet fofinho.

Infelizmente, comprando de qualquer um, online ou em pet shop, você colabora com esse sofrimento.

Vale a pena?

Fonte: Horizonte MS/R7

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.