Caçador é multado em R$ 18 mil ao transportar seis cães em porta-malas em Rancharia, SP

Caçador é multado em R$ 18 mil ao transportar seis cães em porta-malas em Rancharia, SP
Cães estavam no porta-malas do veículo abordado nesta quinta-feira (1º), em Rancharia (Fotos: Polícia Militar Ambiental/Cedida)

Um caçador foi multado em R$ 18 mil pela Polícia Militar Ambiental ao ser flagrado transportando seis cães no porta-malas de um carro Fiat Uno pela Rodovia Raposo Tavares (SP-270), em Rancharia. O motorista, que foi autuado por maus-tratos, alegou que utilizaria os animais para caçar em uma área rural em Maracaí (SP).

Os militares seguiam pela rodovia durante a noite desta quinta-feira (1º), quando, no km 509, visualizaram o veículo com os cães no bagageiro e resolveram abordar o motorista.

No carro, os policiais localizaram um cão da raça americana e cinco da boxer confinados no porta-malas que, segundo a corporação, não tinha espaço suficiente para acomodar os animais considerados de grande porte. “Foi observado que os animais estavam estressados com a situação, todos com sede e muito agitados”, explicou a Polícia Ambiental.

O motorista alegou ser caçador registrado no Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), porém, sua licença estava vencida, segundo a polícia. Questionado pela corporação, o envolvido disse que não sabia que tal situação se caracterizava ato de maus-tratos.

Diante do caso, foi elaborado um auto de infração ambiental ao caçador no valor de R$ 18 mil. Os cães foram apreendidos em termo próprio e depositados com o infrator, uma vez que não existe local ou entidade que receba animais domésticos nestes casos, segundo a Polícia Militar Ambiental.

Policiais constataram que os animais estavam agitados e com sede
Policiais constataram que os animais estavam agitados e com sede

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.