Cachorra que apanhou a chicotadas de tutor é resgatada em Camboriú, SC

Cachorra que apanhou a chicotadas de tutor é resgatada em Camboriú, SC
Foto: reprodução/ONG Protetores de Camboriú

A cachorra que levou chicotadas do próprio tutor, no bairro Monte Alegre, em Camboriú, foi resgatada. O episódio ocorreu na tarde de sexta-feira (26). No mesmo dia, o Grupo de Operações e Resgate (GOR), juntamente com a Polícia Civil, estiveram no local. No sábado (27), a ONG Protetores de Camboriú, acompanhada de agentes da Fundação do Meio Ambiente de Camboriú (Fucam), mais o vereador Marlon Borsatto (MDB), foram até a residência do agressor e resgataram a cadela.

No vídeo, o tutor aparece dando chicoteadas na cachorra com o que parece ser uma coleira de passeio, que permanece quieta e parada, não esboçando reação ao apanhar.

Segundo o site Diarinho, sem flagrante, o grupo não pôde resgatar a cachorra e nem prender o agressor, já que eles também não tem poder de prisão. ‘’O GOR demonstra insatisfação com o desfecho da ocorrência, porém o grupo não tem poder de polícia para retirar o animal da residência ou para prender o agressor. Estamos colaborando com a justiça para que o mais breve possível esse animal possa ser retirado do local onde vive”, detalhou o presidente do grupo, Pedro Henrique da Silva.

Através das redes sociais, a ONG Protetores de Camboriú organizou uma mobilização para resgatar o animal, juntamente ao grupo Cadeira para Maus-Tratos. Ela ficará em um lar temporário, sob cuidados da ONG, até que haja uma decisão judicial, seja ser devolvida ao tutor ou encaminhá-la à adoção.

Fonte: Rádio Cidade

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.