Cachorrinha atacada com um facão se recupera

Cachorrinha atacada com um facão se recupera

O agressor de Valiente, uma cachorrinha atacada com facadas há um mês no sul de Quito, Equador, pode receber de dois a seis meses de prisão por esse crime.

Valiente se recupera na Fundación Acción Animal Ecuador e espera por uma família adotiva. 

Camilo Ramírez, membro da fundação, ressalta que a lesão mais grave foi uma fratura no crânio da cachorrinha.

Espera-se que nesse caso seja feita justiça e que o responsável pague pela agressão brutal.

De acordo com as reformas do Código Penal Abrangente, as pessoas que agridam, ataquem ou abandonem um animal serão punidas com prisão e trabalho comunitário.

A morte por maus-tratos de animais é sancionada com seis meses a um ano de privação de liberdade, e o abandono, com vinte a cinquenta horas de trabalho comunitário.

A cachorrinha atacada com um facão se recupera; detalhes desta notícia estão no seguinte vídeo:

Uma cachorra foi atacada com seis facadas em Quito.

Detalhes da agressão brutal ocorrida há um mês: 

Tradução de Thaís Perin Gasparindo

Fonte: Tele Amazonas 

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.