Cachorrinha trabalha muito para superar sua ansiedade

Cachorrinha trabalha muito para superar sua ansiedade
Fotos: SNARR

Com qualquer sinal de problema – real ou imaginário – Peaches some.

Embaixo da cama. Na banheira. No armário. A Rat Terrier de quatro anos de idade não fica para ver o que está acontecendo.

“Ela se esconde”, Lauren Connelly do Special Needs Animal Rescue and Rehabilitation (SNARR – Resgate e Reabilitação de Animais com Necessidades Especiais) conta ao The Dodo. “Ela é muito tímida no começo, especialmente com pessoas e lugares novos”.

É difícil culpar Peaches por ser perseguida pelos fantasmas de seu passado. Sua curta vida foi um trauma atrás do outro – começando dois anos atrás quando ela foi encontrada em uma propriedade de acumuladores em Louisiana, nos EUA.

eua_louisiana_cachorrinha_ansiedade2

O SNARR a resgatou e encontrou um lar temporário em Crestone, Colorado. O pesadelo, aparentemente, tinha acabado.

eua_louisiana_cachorrinha_ansiedade3

Mas Peaches parecia um ímã para desgraças. Um dia, enquanto ela brincava no quintal de sua família, ela simplesmente desapareceu.

Como que uma cachorra de cinco quilos ultrapassa uma cerca de dois metros de altura no meio do inverno? Será que ela tinha sido capturada por um falcão?

“Tinha 60 centímetros de neve no chão quando ela desapareceu, mas nenhuma pegada ou marca nos dois lados da cerca”, Connelly diz.

Durante dias, as pessoas andaram pelos bosques ao redor da comunidade montanhosa. Uma semana depois, uma vizinha que morava quilômetros de distância ouviu um barulho do lado de fora. Ela abriu a porta da frente – e uma cachorra pequena e amedrontada foi correndo para dentro. Atrás dela tinham dois coiotes.

Peaches voltou. E voltou a agir como antes.

eua_louisiana_cachorrinha_ansiedade4

Viver a vida de uma relutante estrela de um filme de ação faz isso com um cão.

eua_louisiana_cachorrinha_ansiedade5

Já faz dois anos que Peaches foi resgatada daquela propriedade de acumuladores. Desde então, ela foi capturada por o que parece ser um falcão e perseguida por coiotes. Mas o amor da família no lar temporário tem sido uma constante em sua vida. E isso a ajudou a fazer progressos poderosos.

eua_louisiana_cachorrinha_ansiedade6

Conforme sua vida fica mais tranquila no lar temporário, Peaches está se transformando na cachorra confiante que estava destinada a ser.

“A creche ajudou muito”, Connelly diz. “Ela se dá muito bem com outros cães. E está melhor ao conhecer pessoas novas também”.

E, com certeza, ela precisa conhecer pessoas novas. Peaches precisa dar o passo mais vital e encontrar um lar definitivo.

eua_louisiana_cachorrinha_ansiedade7

“Ela não gosta de crianças pequenas, então gostaríamos de encontrar um lar para ela sem crianças”, Connelly diz. “E definitivamente algum lugar com uma grande cerca, por razões óbvias”.

E sem grandes aves de rapina, por favor. E talvez um quarto do pânico.

Você acha que pode ajudar?

Você pode preencher um formulário de adoção aqui. E se você quiser ajudar o SNARR em sua missão para resgatar outros incontáveis animais como Peaches, considere fazer uma doação aqui.

Por Christian Cotroneo / Tradução de Alice Wehrle Gomide

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.