Cachorro amarrado em árvore em possível crime de estupro desaparece

Cachorro amarrado em árvore em possível crime de estupro desaparece
Foto: Protetoras em Ação/Reprodução

Na noite desta segunda-feira, 19 de fevereiro, o grupo Protetoras em Ação, dedicado ao auxílio de animais em situação de maus-tratos, denunciou um possível caso de abuso sexual contra um cachorro. O animal, amarrado a uma árvore no Calçadão da Meia Praia, em Itapema (SC), próximo à rua 237, foi encontrado sangrando pelo ânus.

A situação tornou-se ainda mais preocupante, pois o cachorro foi solto, dificultando os esforços para prestar ajuda, pois seu paradeiro tornou-se desconhecido. Apesar do possível ato de maldade, em um vídeo divulgado, o cachorrinho de cor caramelo demonstra afeto, abanando o rabo ao se aproximar de alguém.

O grupo Protetoras em Ação apela à comunidade por informações que possam ajudar na localização e assistência ao animal. Qualquer detalhe pode ser comunicado através do telefone WhatsApp (47) 99990-6226.

A divulgação e compartilhamento dessa denúncia são cruciais para garantir que o responsável seja identificado e que medidas legais sejam tomadas para proteger os animais indefesos.

Por Dayane Nunes

Fonte: VipSocial

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.