Cachorro com câncer abandonado pelos tutores ganha nova tutora e agora se chama Zeus

Cachorro com câncer abandonado pelos tutores ganha nova tutora e agora se chama Zeus
Foto: Divulgação/UniSalesiano

Tudo caminhava para um triste fim do cãozinho Zeus, mas, graças ao envolvimento e acolhimento de profissionais da Clínica Meu Pet, de Araçatuba (SP), gerenciada pelo UniSalesiano, e do Centro de Controle de Zoonoses, há chances de o animal ter uma melhor qualidade de vida.

O cão, que estava abandonado e doente, além de muito arisco e arredio, foi socorrido pelo CCZ, que teve o apoio do Corpo de Bombeiros e levado à Clínica Meu Pet.

A supervisora da Clínica Meu Pet, Ana Laura Cambui Andreazzi, conta que o cachorrinho apresentava várias lesões na pele, sendo encaminhado ao ambulatório, onde as médicas veterinárias Jaqueline dos Santos Azevedo (clínica) Suelen Lorena da Silva (anestesista) prestaram o primeiro atendimento, com aplicação de medicações, realização de exames (leishmaniose e citologia) e ultrassom.

O animal recebeu alimentação e foi encaminhado para a área oncológica para internação e tratamento condizente com seu estado.

Segundo a médica veterinária e oncologista da Clínica Meu Pet, Josiane Morais Pazzini, exames detectaram um linfoma cutâneo, uma neoplasia bem complexa do ponto de vista terapêutico, uma vez que muitos animais não respondem ao tratamento.

“O prognóstico é reservado, mas o paciente já recebeu sua primeira sessão de quimioterapia, juntamente com aromaterapia e cromoterapia, e passou muito bem”, explicou.

Além de toda a atenção ofertada pela Clínica Meu Pet, o cãozinho resgatado e tratado ganhou um novo lar. Sensibilizada com a situação do animal, a acadêmica do 7º termo de Medicina Veterinária do UniSalesiano Teofane Sneider Cordoba, que realiza estágio de treinamento técnico na Clínica, resolveu adotar o paciente, que agora se chama Zeus.

“Por ter tido um caso parecido na minha família, pois perdi meu pai aos 12 anos, vítima de um linfoma, fiquei comovida com a situação do Zeus e quis cuidar dele. Só quem passa por situação como essa sabe a importância do amor e do cuidado”, contou Teofane, que torce pela recuperação plena de Zeus, que tem aproximadamente 4 anos.

A jovem afirmou ter esperança da cura do animal e que atitude como a dela possa tocar no coração de mais pessoas. “A doação de animais é muito importante, principalmente aqueles que precisam de saúde e cuidados intensivos. No caso de Zeus, vamos fazer o melhor que pudermos para vê-lo feliz”, completou.

Fonte: Folha da Região