Cachorro é amarrado em moto e arrastado até a morte em Salgueiro, PE

Crime foi por vingança, depois que o animal matou uma ovelha. Acusado teria ameaçado o tutor do cachorro.

Por Isabella Ornellas

Uma cena de maus-tratos contra os animais chamou a atenção de moradores na Zona Rural de Salgueiro, no Sertão de Pernambuco. O crime aconteceu no povoado chamado Baixio da Cacimbinha. Segundo a Polícia Militar um morador da localidade, depois de ter uma ovelha morta por um cachorro, decidiu se vingar. Ele amarrou o animal na motocicleta e saiu arrastando-o por vários quilômetros até o cachorro vir a óbito.

Policiais militares da “Operação Sossego” foram acionados pela Central de Operações para verificarem a denúncia de ameaça e se depararam com o fato citado. No local a vítima informou que no último sábado (04), seu cachorro matou uma ovelha e que para se vingar, ele pegou o cachorro, amarrou em sua motocicleta e o arrastou até causar a morte do animal. Segundo a PM , o acusado ainda teria ameaçado o tutor do cachorro, dizendo que o que fez com o animal faria com o tutor.

A polícia chegou a fazer diligências a fim de localizar o suspeito, porém não teve êxito. A vítima foi conduzida à delegacia da Polícia Civil de Salgueiro para preencher o boletim de ocorrência. Maus-tratos contra animais domésticos ou silvestres, nativos ou exóticos, é crime e a pena varia de três meses a um ano de prisão, além de multa.

Penas mais severas

A grande luta das ONGs e instituições que defendem os animais é que o Novo Código Penal torne as punições mais severas para quem comete esse tipo de crime. A proposta é que os criminosos sejam condenados de um a quatro anos de prisão e multa.

A pena para maus-tratos ou abuso ainda pode aumentar de um sexto a um terço caso haja mutilação ou lesão grave permanente no animal. Se o crime resultar em morte, a pena máxima pode chegar a seis anos de reclusão.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.