Cachorro é sacrificado após polícia flagrar situação de maus-tratos no interior de SP

Cachorro é sacrificado após polícia flagrar situação de maus-tratos no interior de SP
Cachorro é sacrificado após polícia flagrar situação de maus-tratos em Angatuba — Foto: Polícia Militar Ambiental/Divulgaçã

Um cachorro teve que ser sacrificado depois que foi encontrado em situação de maus-tratos em uma casa em Angatuba (SP).

Segundo a Polícia Militar Ambiental de Itapetininga, que atendeu a ocorrência, a equipe recebeu uma denúncia e foi até o Jardim do Paço nesta segunda-feira (10).

No local, os policiais encontraram o cachorro bastante debilitado, magro e que não aguentava ficar em pé. De acordo com a PM, os denunciantes disseram que o animal não estava recebendo os cuidados necessários e latia muito.

Segundo a polícia, cachorro estava bastante debilitado e não conseguia andar — Foto: Polícia Militar Ambiental/Divulgação
Segundo a polícia, cachorro estava bastante debilitado e não conseguia andar — Foto: Polícia Militar Ambiental/Divulgação

Uma veterinária foi acionada para ir até a casa e, após examinar o cachorro, decidiu pela eutanásia, já que ele estava bastante debilitado. O tutor dele contou à polícia que o animal tinha 14 anos de idade.

A polícia elaborou um auto de infração ambiental no valor de R$ 6 mil e levou o tutor do cachorro até a delegacia de Angatuba, onde foi preso em flagrante por maus-tratos. Segundo a Polícia Civil, o homem foi solto pela Justiça nesta terça-feira (11) na audiência de custódia.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.