Cachorro que teve órgão genital mutilado na Paraíba precisa de doação de sangue

Cachorro que teve órgão genital mutilado na Paraíba precisa de doação de sangue
Cachorro foi resgatado por ONG após ter órgão genital mutilado, na PB — Foto: Divulgação/ONG Missão Patinhas Felizes

A ONG “Missão Patinhas Felizes” está pedindo a doação de uma bolsa de sangue para o cachorro que teve o órgão genital mutilado na cidade Bonito de Santa Fé, no Sertão da Paraíba. O animal foi resgatado nesta sexta-feira (14), e levado para uma clínica veterinária no bairro de Manaíra, em João Pessoa, onde está internado. Segundo Andreia Medeiros, uma das voluntárias da ONG, o cãozinho precisa de uma transfusão de sangue urgentemente para poder ser submetido a uma cirurgia reparadora.

Podem fazer a doação animais saudáveis e que pesem acima de 25 quilos. O contato com a ONG pode ser feito através do Instagram @missaopatinhasfelizes.

O cão estava sendo cuidado por moradores da região após o crime, que ocorreu na noite da última terça-feira (11), no bairro Jardim das Neves, e foi encontrado bastante debilitado. Ao chegar na clínica, o animal foi submetido a um hemograma e outros exames para averiguação do estado de saúde e avaliação do melhor procedimento para a sua recuperação.

De acordo com a delegada plantonista da Polícia Civil de Cajazeiras, Ívina Cordeiro, o suspeito confessou ter ferido o cachorro com um facão após o animal entrar na casa da sogra dele para cruzar com uma cadela.

A Polícia Militar foi acionada à casa do suspeito por moradores da região. Ao chegar no local, a PM encontrou o órgão do cão mutilado, mas o animal não estava na residência. O homem foi detido e conduzido para a Delegacia de Polícia Civil de Cajazeiras, onde assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e foi liberado na manhã da quarta-feira (12).

Fonte: G1

Absurdo: homem arranca órgão genital de cachorro que invadiu casa da sogra na região de Cajazeiras, PB

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.