Cadela é trancada em carro por mais de 1 hora, sob calor de 35ºC, e tutora é multada em R$ 6 mil

Cadela é trancada em carro por mais de 1 hora, sob calor de 35ºC, e tutora é multada em R$ 6 mil
Cadela foi retirada do carro pela própria dona em Bertioga, SP — Foto: Divulgação/Polícia Militar

Uma cadela foi esquecida dentro de um carro estacionado em Bertioga, no litoral de São Paulo, por mais de uma hora, e mobilizou a Polícia Militar Ambiental e o Corpo de Bombeiros. Apesar de as corporações terem sido acionadas, o animal acabou solto pela própria tutora, que havia retornado.

O caso ocorreu na sexta-feira (8). Uma testemunha acionou a polícia para uma ocorrência de possíveis maus-tratos contra um cachorro, que estava dentro de um veículo no bairro Riviera de São Lourenço. No local, as autoridades descobriram que a cadela estava trancada, sob uma temperatura de aproximadamente 35ºC.

Os policiais tentaram localizar a dona do carro e descobriram que ele foi estacionado por volta das 12h30. O veículo era blindado, e foi necessário acionar o Corpo de Bombeiros para tentar a retirada do pet. No entanto, a aposentada tutora da cadelinha retornou antes, após 30 minutos de a equipe chegar ao local, por volta das 13h50.

A tutora apareceu com um carrinho de compras, alegando que ficou apenas 30 minutos ausente. Ela foi informada de que estava infringindo um artigo ambiental por deixar o animal em um local sem movimentação, privado de ar e luminosidade.

A aposentada foi encaminhada à Delegacia Sede de Bertioga, onde foi elaborado um termo circunstanciado por abuso de animais. Pela Polícia Ambiental, foi registrado um boletim de ocorrência e elaborada uma multa de R$ 6 mil.

Polícia foi até o local após ser acionada por testemunhas. — Foto: Divulgação/Polícia Militar

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.