Post feito por ONG no Facebook mostra a situação em que a cadela foi encontrada — Foto: Facebook/Reprodução

Cadela encontrada com pote plástico entalado na cabeça em MT fez cesariana após perder filhotes e ganha um tutor

A cadela que foi encontrada com um pote de plástico entalado na cabeça em Sorriso, a 420 km de Cuiabá, passou por uma cesariana porque estava desnutrida, já que não conseguia se alimentar, e depois ganhou um tutor.

Ela foi resgatada no dia 22 de janeiro deste ano pela Associação de Proteção Animal Focinhos Carentes. Não se sabe por quanto tempo ela ficou com o objeto entalado na cabeça.

À época, Loreane Rodrigues, presidente da Associação, fez uma postagem na página da entidade no Facebook com uma foto do momento em que o animal foi encontrado e o caso gerou repercussão.

Quando foi resgatado, Bela, que ganhou esse nome da nova tutora, não conseguia respirar direito e nem se alimentava porque o pote era fechado.

Cadela foi adotada. — Foto: Associação de Proteção Animal Focinhos Carentes.
Cadela foi adotada. — Foto: Associação de Proteção Animal Focinhos Carentes.

A voluntária da Associação que fez o resgate abrigou a cadela, conseguiu retirar o pote da cabeça dela e a adotou.

A cadela que estava prenhe perdeu os filhotes porque não conseguia se alimentar e ficou desnutrida. Ela passou por uma cesariana para a retirada dos filhotes e está se recuperando.

Segundo Loreane, os voluntários tentaram identificar se alguém colocou o pote na cabeça do animal em um ato criminoso e também procuraram a polícia para fazer a denúncia. No entanto, não foi registrado boletim de ocorrência porque não teve flagrante e nem evidências que comprovariam que houve crime.

Cadela ganhou um lar. — Foto: Associação de Proteção Animal Focinhos Carentes.
Cadela ganhou um lar. — Foto: Associação de Proteção Animal Focinhos Carentes.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.