Cadela resgatada de poço com 20 metros de profundidade

Cadela resgatada de poço com 20 metros de profundidade em Braga, Portugal

Os Bombeiros Sapadores de Braga resgataram com vida uma cadela da raça podengo, esta manhã de segunda-feira, que estava num poço no monte das Caldas, na freguesia de Sequeira, em Braga. Animal estava preso no buraco, com 20 metros de profundidade, desde domingo de manhã.

Humberto Ribeiro, dono da cadela, andava à caça no monte, quando deu pelo desaparecimento da Lili, pelas 10 horas de domingo. De imediato partiu com os amigos em busca do animal, mas só ao anoitecer acabaram por localizá-lo num poço. Alertaram os bombeiros para pedir ajuda no resgate, “mas como era de noite, só esta manhã puderam socorrer a cadela”, explica o dono, ao JN.

Dadas as dificuldades de acesso, os bombeiros tiveram que recorrer a uma retroescavadora para eliminar uma rocha de grandes dimensões, que impedia a entrada de um homem no poço. Contornado o obstáculo e com recurso a cordas e a um aparelho respiratório, Lili foi retirada com vida pelos bombeiros, pelas 11.30 horas, ou seja, cerca de um dia depois do seu desaparecimento.

“Está tudo bem. Não tem ferimentos e já come”, afirmou Humberto Ribeiro, que passou a noite “em claro”, preocupado com o animal. “Enquanto não a resgataram, não fiquei descansado”, sublinhou o caçador de 50 anos, agradecendo o trabalho da corporação de bombeiros de Braga.

Foto Paulo Jorge Magalhães/global Imagens
Foto Paulo Jorge Magalhães/global Imagens
Foto Paulo Jorge Magalhães/global Imagens
Foto Paulo Jorge Magalhães/global Imagens

Fonte: JN / mantida a grafia lusitana original

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.