Cães abatidos a tiro de caçadeira em Baião, Portugal

Cães abatidos a tiro de caçadeira em Baião, Portugal

Os cães mortos foram abandonados numa zona isolada junto ao Eco Centro de Baião. A descoberta macabra foi feita por uma voluntária que sabendo do local como refugio dos animais, foi ao lá para os fotografar para posterior tentativa promocional de adoção. A objetiva, porém, encontrou um cenário de horror.

As informações recolhidas pela AAAB indicam que a chacina terá sido levada a cabo por caçadores por entenderem que estes cães, abandonados pelos tutores, “espantariam a caça”. O desabafo dos caçadores tem sido escutado pela população das redondezas. Uma queixa nesse sentido foi participada ao Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) da GNR. Uma brigada da guarda ambiental esteve no local a recolher os indícios. Posteriormente os cadáveres foram recolhidos pelas autoridades sanitárias municipais.

“Como presidente da Associação e como ser humano, que acredito que todos os seres devem ser respeitados, acho que esta prática tem de ser punida”, disse, chocada, Isabel Santos Moura da AAAB. A responsável faz notar que, recentemente na mesma zona, também apareceu uma vaca abatida a tiro. “O dono nunca fez queixa, mas o facto é que é mais um caso a juntar a este dos cães”, acrescenta.

O abandono de animais domésticos, sobretudo cães, é uma realidade transversal a todo o país e que se intensifica em períodos de crise económica agravada pela emigração.

O JN apurou que a Câmara de Baião em pareceria com a AAAB tem construção um Abrigo para Animais exigido por lei, junto ao Centro Hípico de Baião, que deverá estar concluído neste primeiro semestre de 2017. Em 2016, em Baião, foram adotados 31 canídeos sem dono que foram recolhidos pelos Serviços Municipais. Atualmente os Serviços têm a seu cargo mais 12 cães à espera de novos tutores.

Por António Orlando

Fonte: Jornal de Notícias / mantida grafia lusitana original

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.