Cães sofrem mutilações em órgãos genitais e caso é levado à polícia em Tupã, SP

Cães sofrem mutilações em órgãos genitais e caso é levado à polícia em Tupã, SP
Segundo médico veterinário, mutilações provavelmente ocorreram com corte de faca de serra (Reprodução/Mais Tupã). Segundo médico veterinário, mutilações provavelmente ocorreram com corte de faca de serra (Reprodução/Mais Tupã).

Nesta quarta-feira (13) protetores dos animais procuraram a Polícia Civil de Tupã para registrar um boletim de ocorrências, pois, dois cães foram atacados, possivelmente pela mesma pessoa, e tiveram seus órgãos genitais arrancados. Segundos os protetores dos animais um veterinário relatou que os animais foram feridos, provavelmente, por uma faca de serra.

Os dois ataques aconteceram entre terça-feira e quarta-feira. Pelo menos dois cães foram atacados, no Parque Ibirapuera, na zona leste de Tupã, e foram resgatados por um grupo de protetores dos animais, que levaram os cães para atendimento veterinário.

De acordo com o artigo 32 da A Lei 9.605 de 1998 quem for pego praticando atos de abuso, maus tratos, ferindo ou mutilando animais silvestres no Brasil pode ser detido por 3 meses a um ano. Em caso de morte do animal a pena pode ser aumentada em 1/6 a 1/3. A Polícia Civil está investigando o caso.

Fonte: Siga Mais

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.