Califórnia condena homem por matar cachorro

Um tribunal da Califórnia condenou um homem a quatro anos de prisão sob sursis por bater em um poodle até matá-lo, informou nesta terça-feira a promotoria.

O juiz determinou ainda que o agressor, Jason Arnold Vaca, 35 anos, assista a 26 aulas sobre como controlar a raiva e faça um curso para evitar a crueldade contra animais.

Vaca também foi proibido de possuir, conviver ou cuidar de animais nos próximos dez anos, revelou a promotoria do distrito de Los Angeles.

Em março de 2014, os serviços de emergência receberam um telefonema no qual escutaram um homem gritando e o som de um cachorro sendo brutalmente golpeado.

Quando chegaram à casa de Vaca encontraram sangue e o cão sem vida no jardim.

Os motivos da agressão não foram revelados.

Fonte: Terra/ AFP

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.