Chile campanha animais bens moveis

Campanha busca que animais no Chile deixem de ser considerados bens móveis

A iniciativa chamada “Não são móveis”, protagonizada por rostos da televisão, quer reivindicar os direitos daqueles que coabitam com o ser humano.

Tradução de Nelson Paim

Como se fosse um sofá, uma mesa ou uma floreira. Segundo o código civil do Chile, os animais são considerados como bens móveis de uma casa, algo que os protetores dos animais pretendem não apenas erradicar, mas fazer ampliar a esfera de seus direitos.

Para isto, eles criaram a campanha “Não são móveis”, protagonizada por rostos conhecidos da televisão chilena. O objetivo é que os animais sejam reconhecidos como seres sencientes, assim como já ocorre em outros países.

Com isto se daria um tratamento mais ético e os casos de maus-tratos e violência seriam tratados com mais firmeza, aplicando penas mais duras àqueles que cometam crimes contra eles.

Fonte: El Dínamo

Mais notícias

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.