Cão é salvo por guarda-vidas após cair no rio Tramandaí, em Imbé, RS

Cão é salvo por guarda-vidas após cair no rio Tramandaí, em Imbé, RS

Um cão sem raça definida, com apenas três patas, ganhou vida nova às vésperas de 2020, em Imbé, no Litoral Norte. Depois de se assustar, o animal acabou correndo e caindo dentro das águas do rio Tramandaí, nas pedras da Barra. A sorte dele foi ter por perto o guarda-vidas Gil Pereira, de 44 anos. Aficionado por animais, dono de três cachorros e uma gata, ele trabalha na guarita 135, em Imbé.

Pereira estava na guarita 137, que fica de frente para a Barra. Observando o canal, junto com seu colega Ricardo Beskow, eles viram o animal na água. O resgate foi rápido e o cão voltou à terra firme. “Ele já estava triste, quase se entregando. Mas deu tempo e consegui pegá-lo. Na minha cabeça só fiquei pensando em falar para ele: pode ficar tranquilo. Sou guarda-vidas e estou aqui para te ajudar.”

O guarda-vidas pegou apenas a longboard, uma prancha de surfe grande, e se jogou rapidamente na água. “Quando pulei, uma pessoa falou que era um cachorrinho de três patas. E aí me lembrei de um que passava na frente da casa dos meus pais, no balneário Nova Nordeste, e era ele mesmo. O flagrante do resgate ficou registrado nas redes sociais, nas imagens do colega Beskow, comovendo internautas e quem viu pessoalmente a ação.

“Na verdade, no trabalho de guarda-vidas, na minha cabeça, toda vida importa. Inclusive a deles (cães)”, afirma. Pereira é guarda-vidas civil e já está na função pela segunda temporada. Morador de Imbé, ele levou o cão para sua casa. “Não pretendo ficar com ele. O plano é conseguir achar os donos ou tutores”.

Fonte: Correio do Povo

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.