Cão morreu por estar amarrado debaixo de sol, sem água e comida, denunciam

Cão morreu por estar amarrado debaixo de sol, sem água e comida, denunciam

Um cachorro pereceu, no dia 28 de dezembro, depois que seu tutor o deixou amarrado sem água e comida sob o sol. O animal não suportou o calor intenso, dizem.

O fato ocorreu em Santa Rosa del Aguaray, departamento de San Pedro, no Paraguai.

De acordo com os dados, a proprietária do cão o deixou amarrado com uma corda curta ao sol, sem comida ou água, e pelo intenso calor registrado nesse dia, morreu no local.

A resgatista Liza Lailla, de Pedro Juan Caballero, disse que os moradores da área fizeram a denúncia à polícia.

No entanto, as autoridades não levaram o fato a sério, então entraram em contato com ela para retirar uma denúncia pública em sua página no Facebook.

Indicou que a dona do cão, identificada como Nora Salinas, chegou da Argentina com seu animal de estimação.

Segundo relatos, a mulher deixou o cachorro amarrado ao sol, sem comida e água, os vizinhos foram os únicos que notaram a situação, de acordo com os informes de Última Hora.

Os dados

A Lei 4840 de Bem-Estar Animal estabelece uma pena de prisão de até dois anos ou multa para pessoas que maltratam ou matam animais domésticos, considerados na família como animais de estimação.

Nos últimos dias, vários casos de maus-tratos a animais foram relatados, incluindo um esfaqueamento e explosão de fogos de artifício na boca de cães.

Tradução de Thaís Perin Gasparindo

Fonte: RDN