Cão que foi maltratado pelo tutor é encaminhado para lar temporário em Campo Grande, MS

Cão que foi maltratado pelo tutor é encaminhado para lar temporário em Campo Grande, MS
Investigados da Decat e o delegado Maércio (à direita) junto do animal. (Foto: Polícia Civil)

O border collie Ioshi, que aparece em vídeo apanhando do tutor, foi encaminhado para um lar temporário enquanto tramita o inquérito que investiga o caso de maus-tratos. O tutor do animal, de 23 anos, prestou depoimento à Polícia Civil, nesta sexta-feira (12) e vai responder pelo crime em liberdade.

“Ele disse que não praticou agressão ao animal e que a interpretação dos vídeos foi equivocada”, comentou o delegado Maércio Alves Barbosa, titular da Decat (Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambientais e Atendimento ao Turista).

O caso ganhou repercussão após um vizinho filmar o momento em que o rapaz dá chutes e enforca o bicho de estimação, na última quarta-feira (10), no Jardim Aeroporto, em Campo Grande, MS.

“Vamos apurar com bastante rigor a conduta praticada contra esse animal. Queremos deixar claro que não será tolerado qualquer tipo de maus-tratos, qualquer tipo de agressão a animais domésticos”, completa o delegado.

Nesta sexta-feira (12) a advogada do rapaz, Letícia Medeiros, alegou que o jovem estava apenas “ensinando” o animal, no momento em que o vídeo foi gravado. A defesa ainda alega que o autor do vídeo é quem teria problemas com os moradores do condomínio onde o fato aconteceu.

 

Por Adriano Fernandes e Ana Beatriz Rodrigues

Fonte: Campo Grande News

Jovem filmado tentando afogar cão em bacia se apresenta à polícia, nega agressão e fala em mal entendido

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.