Capivara é morta a pauladas em crime bárbaro na zona sul de São José dos Campos (SP), diz ONG; vídeo

Capivara é morta a pauladas em crime bárbaro na zona sul de São José dos Campos (SP), diz ONG; vídeo
Momento em que a capivara é cercada pelos criminosos que a mataram

Uma capivara foi brutalmente atacada por homens no Residencial União, na região sul de São José dos Campos. A denúncia é da ONG Adota Pet SJC.

O ataque foi filmado e a imagem foi obtida pela entidade, que a divulgou em seu perfil no Instagram. Segundo a ONG, o crime ocorreu no início da madrugada de terça-feira (5), na rua Neide Marília Ribeiro.

Segundo a denúncia recebida pela ONG, os criminosos são moradores da própria rua. Quatro homens teriam participado do crime.

A capivara foi morta a pauladas, em um ataque brutal e covarde, regado de ódio contra o animal.

“Bateram até ela não aguentar e ir a óbito. Após isso, pegaram o animal e levaram em uma caminhonete para descartar em outro lugar”, informou a ONG.

Moradores que viram a cena disseram que os criminosos atingiram a capivara com ao menos sete pauladas. O caso será denunciado à Polícia Civil.

A capivara é um animal de ocorrência natural da fauna tropical da América Latina, sendo encontrada desde o Panamá até a Argentina. Tida como o maior roedor do mundo, o seu habitat tem como característica mais importante a existência de cursos d’água permanentes. No Brasil, há grandes populações no Pantanal, na ilha de Marajó e nos estados de São Paulo e do Rio Grande do Sul.

O roedor é encontrado às margens do rio Paraíba do Sul, por todo o Vale do Paraíba, e há uma grande população do animal no Parque da Cidade, na região norte de São José dos Campos.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por OVALE (@jornalovale)

Fonte: OVALE

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.