Casal é preso por transportar 400 animais silvestres no interior de SP

Um casal foi preso por transportar ilegalmente cerca de 400 animais silvestres durante uma operação policial na rodovia Régis Bittencourt, na cidade de Registro (a 231 km de São Paulo). A Polícia Rodoviária Federal informou que fazia uma operação de combate ao crime quando parou o carro do casal -um Renault Sandero cinza- na tarde do último sábado (15). Ao vistoriarem o carro, os policiais encontraram diversas caixas teladas com centenas de aves silvestres.

Questionado sobre os animais, o comerciante de 34 anos disse que pegou as aves em Jacupiranga (a 260 km de São Paulo) e as levaria até o Ceagesp (central de abastecimento), na zona oeste de São Paulo, onde seriam revendidas na capital paulista. O comerciante disse ainda que ganharia R$ 3.000 pelo transporte dos animais. Além dele, estavam no carro sua mulher, de 33 anos, e seu filho de 3 anos. Cerca de 12 pássaros morreram antes de serem resgatados pela polícia. Entre as aves apreendidas haviam canários-da-terra, trinca-ferro, tico-tico e pintassilgos. Após serem analisadas por especialistas, segundo a polícia, as aves serão soltas na região, seu habitat natural. A Polícia Militar Ambiental aplicou multa no valor de R$ 3 milhões ao casal e a Polícia Civil fixou fiança no valor de R$ 75 mil para cada um dos envolvidos. O casal não pagou a fiança, foi preso e encaminhado para um sistema prisional da região.

O casal também foi autuado por maus-tratos contra animais, e a criança foi levada para o Conselho Tutelar, onde deve permanecer até que um familiar venha retirá-la.

Fonte: Cruzeiro do Sul / Folhapress

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.