Casal preso nos EUA por maus-tratos contra pelo menos 240 animais exóticos

Casal preso nos EUA por maus-tratos contra pelo menos 240 animais exóticos
Entre os animais encontrados havia 37 aves e 31 serpentes, além de coelhos, porcos e cachorros. Foto: AP

Jason Wieder e Melanie Rehrig foram indiciados nos condados de Montgomery e Lehigh, na Pensilvânia, por maus-tratos a animais; ambos possuíam jacarés, furões, tartarugas e cobras, entre outros, muitos estavam doentes ou mortos.

Pensilvânia – Um casal nos Estados Unidos enfrenta acusações de maus-tratos a animais e negligência por abrigar pelo menos 240 animais exóticos em sua casa, muitos deles com problemas de saúde, conforme reportado no final de novembro.

As autoridades do condado de Montgomery, Pensilvania, informaram que, entre os animais encontrados na casa na cidade de Upper Hanover no mês passado, havia cinco tartarugas, vários jacarés, muitos furões e dezenas de cobras. Alguns animais estavam mortos e outros doentes.

Tanto Jason Wieder, de 39 anos, como Melanie Rehrig, de 33, enfrentam sérias acusações de crime por maus-tratos graves a animais e várias acusações de delitos menores.

O casal também enfrenta várias acusações no condado de Lehigh, decorrentes de uma operação que encontrou 81 animais vivos e cinco mortos em uma casa localizada na cidade de Mucungie. Ente os animais encontrados havia 37 aves e 31 cobras, além de coelhos, porcos e cachorros.

Os advogados de Wieder e Rehrig não puderam ser localizados naquele dia para comentar sobre a situação legal deles.

Por  AGV / Tradução de Thaís Perin Gasparindo

Fonte: El Universal

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.