Bolinha é adotado por bancária após engordar 18 kg: 'Presente precioso'

Bolinha é adotado por bancária após engordar 18 kg: ‘Presente precioso’

Depois de engordar novamente, Bolinha, o cão obeso que foi resgatado de uma lanchonete em um posto de combustíveis às margens da BR-364, entre Campo Novo do Parecis e Tangará da Serra, a 397 e 242 km de Cuiabá, há mais de dois anos, foi adotado. Desde o dia 24 de dezembro, ele está vivendo em uma chácara com a nova dona, a bancária Maria Eduarda Cardozo.

LEIA MAIS Bolinha é adotado por bancária após engordar 18 kg: ‘Presente precioso’
Foto captura o momento que um cão salvo da indústria da carne encontrou alguém que queria ajudá-lo

Foto captura o momento que um cão salvo da indústria da carne encontrou alguém que queria ajudá-lo

Somente na Coréia do Sul, dois milhões de cães são mortos a cada ano pela carne. Os cães, alguns dos quais são procriados para o consumo, junto com outros que são cães de rua capturados ou até mesmo animais de estimação roubados, vivem uma existência miserável em fazendas que espelham de forma muito próxima a existência horrível que os animais passam nas fazendas industriais.

LEIA MAIS Foto captura o momento que um cão salvo da indústria da carne encontrou alguém que queria ajudá-lo
Cidades mineiras ignoram lei que determina castração dos animais de rua

Cidades mineiras ignoram lei que determina castração dos animais de rua

Um ano depois da publicação da Lei Estadual 21.970, de 2016, defensores dos direitos dos animais cobram das autoridades municipais o cumprimento das normas estabelecidas no texto. Nele, os municípios são incumbidos de garantir o controle ético da população de animais de rua, por meio de medidas socioeducativas e castração em massa dos animais.

LEIA MAIS Cidades mineiras ignoram lei que determina castração dos animais de rua
Animais feridos por estilingue são transferidos para hospital veterinário em Rio Preto, SP

Animais feridos por estilingue são transferidos para hospital veterinário em Rio Preto, SP

Os animais do Bosque Municipal de Rio Preto feridos por um homem armado com um estilingue na tarde de quinta-feira, 12, foram transferidos para o Hospital Veterinário da Unirp, na manhã desta sexta-feira, 13. O urubu-rei, o faizão prata e o urumutum ficaram gravemente feridos. Outras três aves morreram durante o ataque.

LEIA MAIS Animais feridos por estilingue são transferidos para hospital veterinário em Rio Preto, SP