Animal com sinais de maus-tratos foi resgatado por guardas municipais de Petrópolis, no RJ — Foto: Ascom PMP / Divulgação

Cavalo com sinais de maus-tratos é resgatado em Petrópolis, no RJ

Um cavalo com sinais de maus-tratos foi resgatado por guardas municipais de Petrópolis, na Região Serrana do Rio, nesta terça-feira (9). O animal foi encontrado na Rua João Balter, que fica no Quarteirão Brasileiro, e levado para o curral de Itaipava.

A Prefeitura informou que o cavalo estava abandonado e está recebendo os cuidados necessários no curral municipal.

O local onde o animal estava é uma área pública e que estava sendo invadida.

Segundo o município, no momento da operação, ninguém se apresentou como responsável pelas baias.

Elisabete Amorim, coordenadora de Bem-Estar Animal, informou que será coletado sangue do cavalo para os exames de Anemia Infecciosa Equina (AIE) e de Mormo.

“Com o resultado, sendo negativo, acontece a ‘microchipagem’ desse animal, dando entrada oficialmente no curral. No futuro, quando for adotado, podemos acionar o dono caso aconteça novamente o abandono”, disse Elisabete.

Animal foi resgatado no Quarteirão Brasileiro, em Petrópolis, no RJ, nesta terça — Foto: Ascom PMP / Divulgação
Animal foi resgatado no Quarteirão Brasileiro, em Petrópolis, no RJ, nesta terça — Foto: Ascom PMP / Divulgação

Além do resgate do cavalo, a guarda municipal informou que também foram destruídas quatro baias que, segundo a Prefeitura, foram construídas irregularmente.

A operação

A ação foi um desdobramento de uma ação civil pública movida pelo Ministério Público Federal (MPF) na Justiça Federal, com o objetivo de restringir ocupações irregulares.

Também participaram da fiscalização equipes da Secretaria de Meio Ambiente e do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

De acordo com o município, a região é uma área de zoneamento restritivo da APA-Petrópolis por causa da presença de vegetação de Mata Atlântica e de nascentes de água.

Quatro baias construídas irregularmente também foram destruídas durante a fiscalização em Petrópolis, no RJ — Foto: Ascom PMP / Divulgação
Quatro baias construídas irregularmente também foram destruídas durante a fiscalização em Petrópolis, no RJ — Foto: Ascom PMP / Divulgação

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.