Cavalo morre no sol em Pontal do Paraná, PR

Cavalo morre no sol em Pontal do Paraná, PR
Foto: Reprodução Internet

Não tem quem não fique comovido com a situação. O cavalo, que é usado por carrinheiros em Pontal do Paraná (litoral), estava amarrado embaixo do sol. E não aguentou. Ele morreu ali, no meio da rua. Moradores do Jardim Canadá (bairro onde ele foi encontrado), até tentaram cortar a corda na esperança que o cavalo se recuperasse, mas era tarde demais…

O animalzinho foi deixado na rua Ilha do Mel, uma quadra da pista, 100 metros antes da lombada de quem vai de Matinhos para Pontal do Paraná. “Não tem o que a gente possa fazer. Se nós reclamamos com a Prefeitura, somos informados que não existe um órgão para cuidar dos cavalos. Se reclamamos com a Polícia Militar (PM), existem outros assuntos mais importantes para cuidarem e a importância dos maus tratos acaba sendo zero”, reclamou o fotógrafo Ricardo Soares.

A Prefeitura até criou na teoria um Centro de Zoonoses. Mas foi na teoria. Promotoria Criminal para tratar de assuntos de maus tratos teria que ser em Matinhos, mas ninguém faz nada. As reclamações ficam no ostracismo e os cavalos sofrem. “Tinha que ter um vereador de coragem para fazer uma lei que acabasse com o uso de animais para transporte de qualquer tipo. Cavalo só pode carregar pessoas e já é tudo. Não dá para fazer transporte de cargas, de carrocerias. Isso é para a época em que não havia outro tipo de transporte”, comentou Iara Cavallin.

Enquanto a Prefeitura e os vereadores se calam, os cavalos padecem…

Fonte: Blog da Luciana Pombo 

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.