CCZ vai rastrear cães e gatos de moradores de rua em Presidente Prudente, SP

CCZ vai rastrear cães e gatos de moradores de rua em Presidente Prudente, SP
CCZ vai rastrear cães e gatos pertencentes a moradores de rua em Presidente Prudente (Foto: Arquivo/Olímpio Moura)

O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) deu início a uma ação que visa a rastrear cães e gatos pertencentes a moradores de rua de Presidente Prudente. Para viabilizar os trabalhos, o órgão firmou parceria com o Centro de Referência Especializada em Assistência Social (Creas).

De acordo com o coordenador do CCZ, Célio Nereu Soares, os animais serão chipados e terão amostras de sangue colhidas para o exame da Leishmaniose Visceral Canina (LVC).
“Esses cães não tinham a devida assistência e não são contemplados pelos mutirões do CCZ, por isso, estão mais vulneráveis a doenças”, explica Nereu.

Para viabilizar a ação, o Centro de Zoonoses firmou parceria com o Creas, com o objetivo de localizar a população em situação de rua cadastrada no município.

O Creas, então, entrará em contato com aqueles que tenham animais sob seus cuidados e, caso aceitem participar da ação, será agendado um horário para que os donos levem os cães até o órgão de assistência social. Em seguida, os animais serão levados ao CCZ para a coleta de sangue e a chipagem. Os bichos também receberão uma coleira que espanta o mosquito-palha, transmissor da leishmaniose, e serão cadastrados.

Presidente Prudente contabiliza, até a primeira semana de abril, 49 casos da doença em 2017, com 44 autóctones e cinco importados.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.