Clínica veterinária pública é aberta pela primeira vez na Paraíba, diz CRMV

Clínica veterinária pública é aberta pela primeira vez na Paraíba, diz CRMV

A primeira clínica veterinária pública da Paraíba foi inaugurada na cidade de Solânea, a 130 km de João Pessoa. Desde quinta-feira (15), a clínica começou a atuar cadastrando donos de cachorros e gatos para proceder com a castração. A unidade funciona na rua Josafá Soares Pereira, no Conjunto Santa Mônica, das 8h às 12h, e após pausa para almoço, das 14h às 17h.

A estrutura da clínica segue os padrões de funcionamento do Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV), e conta com consultório, salas de medicação, cirurgia, terapia, e um espaço para higienização e canil.

De acordo com Valéria Rocha Cavalcanti, Secretária Geral do Conselho de Medicina Veterinária da Paraíba (CRMV), a Clínica Veterinária Municipal de Solânea é a primeira da Paraíba no que diz respeito ao atendimento clínico, incluindo consulta dos animais. Entretanto, os atendimentos referentes à cirurgia de castração, para controle populacional, são realizados nos centros de zoonoses das cidades maiores, como João Pessoa e Campina Grande. Inicialmente, o CRMV havia afirmado que o procedimento também era feito no centro situado em Bayeux, no entanto, corrigiu a informação no sábado (17).

Segundo CRMV da Paraíba, clínica em Solânea é a primeira da Paraíba — Foto: Maciel Tabosa/Arquivo Pessoal

Michel Ramom, um dos veterinários responsáveis pela clínica, explicou que os animais irão passar por exames para que sejam constatadas condições físicas e fisiológicas que permitam a realização dos procedimentos de castração.

O serviço de cadastro da clínica irá priorizar animais atendidos em projetos de proteção aos animais de rua de Solânea, e ainda pets cujos donos sejam contemplados por projetos sociais do governo federal.

Os procedimentos de castração trazem inúmeros benefícios aos animais, segundo a veterinária Rafaela Rodrigues, que também faz parte da equipe de médicos que irão atender na clínica municipal em Solânea, o processo facilita na adoção e impede a reprodução descontrolada, principalmente, de animais de rua.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.