Cobra estrangeira é descoberta em casa de Brusque (SC) e morador tem animais silvestres recolhidos

Cobra estrangeira é descoberta em casa de Brusque (SC) e morador tem animais silvestres recolhidos
Cobra de espécie norte-americana foi recolhida pela Polícia Civil nesta segunda-feira (4); Fundação do Meio Ambiente de Brusque confirmou que home não tinha autorização para criar animais. Foto: Polícia Civil / Divulgação

Duas cobras, três aves e dois saguis foram apreendidos pela Polícia Civil de Brusque, no Vale do Itajaí, após uma denúncia indicar que um homem estava criando em sua casa animais silvestres sem autorização. Um deles, inclusive, de espécie considerada invasora.

A operação foi realizada na tarde desta segunda-feira (4) por policiais da DIC (Divisão de Investigação Criminal) de Brusque, em uma casa do bairro Bateas.

No endereço, o tutor dos animais não apresentou as devidas licenças ambientais para o manejo das espécies encontradas na casa dele. Os animais e o próprio tutor foram encaminhados para a delegacia.

Na delegacia, representantes da Fundema (Fundação Municipal do Meio Ambiente) fizeram uma inspeção nos animais e confirmaram que a posse deles era clandestina.

Cobra que estava na casa do morador de Brusque era norte-americana

Os saguis e as aves foram encaminhados ao órgão de proteção para reintrodução na natureza local. Já com relação às serpentes, a jiboia e a serpente da espécie ‘corn snake’, também conhecida como cobra-do-milho, terão destinação diferente, por não serem nativas do Sul do Brasil.

O tutor dos animais foi autuado pela Polícia Civil com base na legislação ambiental que proíbe a permanência de aves e espécies nativas em cativeiro, além de comercialização, exportação ou guarda ilegal de animais silvestres.

Por Lucas Adriano

Fonte: ND+

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.