Colômbia: Autoridades de Bogotá serão investigadas caso não evitem ocorrências de maus-tratos a animais

Colômbia: Autoridades de Bogotá serão investigadas caso não evitem ocorrências de maus-tratos a animais

Foi pedido aos prefeitos locais que respeitem o novo Estatuto Nacional de Proteção Animal.

Tradução de Nelson Paim

Um ultimato foi enviado à Procuradoria Geral dos prefeitos locais de Bogotá para que estes evitem que se continue a apresentar casos de maus-tratos contra animais como o que ocorreu alguns dias atrás na localidade de Usaquén, onde um médico matou a chutes um cão da raça Yorkshire.

O Ministério Público indicou que, neste caso, a prefeita da localidade de Usaquén, Mayda Velásquez Rueda, e o chefe da delegacia de polícia da localidade, Óscar Archicanoy, devem tomar medidas imediatas, pois não somente ocorreu a morte do cão como também deixou outro ferido.

A Procuradoria assinalou que as autoridades devem respeitar o novo Estatuto Nacional de Proteção animal, pois do contrário consequências disciplinares serão tomadas.

Fonte: Caracol Radio

MAIS NOTICIAS

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.