Colômbia: vídeo registra maus-tratos a animais por parte dos passeadores de cães

Colômbia: vídeo registra maus-tratos a animais por parte dos passeadores de cães

Autoridades se pronunciaram e pediram alteração da pena para os infratores da lei

Tradução de Marli Vaz de Lima

Colombia passeadores1

José Cuesta, subsecretario de assuntos legais da Secretaria do Governo, reforçou nesta terça-feira (26) que é preciso ser mais drástico nas sanções às pessoas que maltratam os animais, após observar um vídeo em que alguns passeadores de cães castigam abusivamente os animais que tem sob sua responsabilidade.

Ele acrescentou que as evidências de abuso contra os animais podem ser apresentadas através de vídeos aos inspetores de polícia, que estão em um total de 63, na capital Bogotá, o que seria decisivo para a decisão da pena, mas também lamentou a condenação e multa irrisórias determinadas para esses criminosos.

“Estamos atrasados para que Congresso comece a trabalhar em uma reforma dessa lei, que está em voga desde 1989. A penalidade para os infratores, muito fraca na minha opinião, é de um a três meses de prisão e multa de 5 a 50 mil pesos colombianos (R$ 0,06 a 60,00), algo que deve ser mudado, não é possível que os maus-tratos aos animais fiquem assim na impunidade, uma vez que eles fazem parte da sensibilidade e da vida, são companheiros dos humanos e devemos preservar os seus devidos direitos” disse o subsecretário.

Fonte: El Tiempo

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.