Com 250 animais resgatados por mês, CCZ faz campanha contra abandono em Campo Grande, MS

Com 250 animais resgatados por mês, CCZ faz campanha contra abandono em Campo Grande, MS
Cartaz alerta: abandono de animais é crime. (Foto: Viviane Oliveira)

“Vai ter coragem de me deixar sozinho aqui?” Com esse slogan, o CCZ (Centro de Controle de Zoonoses e Bem-Estar Animal) lançou nesta quinta-feira (5) a 1ª campanha “Dezembro Verde” para chamar a atenção da população sobre o aumento de casos de abandono de animais. Em dezembro, mês que muita gente está de férias, o número de bichos de estimação abandonados aumenta muito.

Segundo o CCZ, não há números oficiais sobre animais vivendo em situação de rua, no entanto, o órgão chega a receber uma média de 200 a 250 animais (entre abandonados ou perdidos) por mês. Hoje de manhã os servidores do órgão realizaram uma blitz educativa com panfletagem no cruzamento da Avenida Afonso Pena com a Rua 14 de Julho.

A dona de casa Ana Cristina Vieira, 51 anos, aprovou a ideia. Ela mora no Bairro Santo Amaro e constantemente se depara com animais abandonados na rua. “Isso corta o coração. A gente dá água, comida, mas mesmo assim é muito triste. Torço pra que eles encontrem um lar. Só não levo para a casa porque tenho um pitbull”, ressaltou.

Apaixonada por animais, a tia de Ana Cristina, Ivanir Barros, 68 anos, disse que trata os seus cachorros como criança. “Não é todo mundo que tem bom coração. Tem gente que trata animal como se ele fosse descartável”, lamentou.

Reginaldo enquanto era abordada pela blitz educativa (Foto: Viviane Oliveira)

Considerado crime, o abandono de animais ainda é um problema recorrente. Muitas pessoas abandonam seus animais nas ruas, em locais afastados, estradas e até trancados dentro de casa sem alimento e água suficiente enquanto saem para viagens de férias.

“Pai de 12 cachorros”, o cozinheiro Reginaldo Lima Gomes, 38 anos, fica com o coração partido toda vez que encontra um animal sem dono na rua. “Esses dias evitei que um cão fosse atropelado. Como não tinha como levar para a casa, o deixei no CCZ. Quem tem amor não consegue abandonar um animalzinho”, contou. 

Segundo a veterinária Ana Paula Nogueira, a campanha quer conscientizar a população de que o abandono é crime e caso de saúde pública, além de ser um ato cruel que pode condenar o animal à morte. “As pessoas têm que denunciar. Quem for identificado por ter abandonado ou maltratado um animal será punido”, alertou. 

Todo animal encaminhado ao CCZ passa por exames e recebe medicamentos, se houver necessidade. Somente ocorre eutanásia em situação de sofrimento extremo dele ou risco à saúde da população. No próximo sábado (7) o órgão irá fazer, das 9h às 16h, uma ação com adoção de cães e gatos, distribuição de brindes e atividades infantis. O Centro de Controle de Zoonoses fica na Avenida Senador Filinto Müler, nº 1601 – Vila Ipiranga. Denuncias sobre abandono e maus-tratos de animais podem ser feitas pelo telefone 67 3313-5000. 

Por Viviane Oliveira

Fonte: Campo Grande News 

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.