Com dívida de R$ 20 mil, ‘Latidos do Bem’ suspende resgate de animais de rua em Cascavel, PR

Com dívida de R$ 20 mil, ‘Latidos do Bem’ suspende resgate de animais de rua em Cascavel, PR

Sem recursos para custear despesas com animais em situação de abandono e maus tratos, a ONG (Organização Não Governamental), Latidos do Bem, afirmou, nesta semana, que suspendeu ações de resgate.

O anuncio foi divulgado nas redes sociais, após a ONG acumular uma dívida que passa os R$ 20 mil, em um hospital veterinário da cidade de Cascavel.

“A arrecadação é muito pequena e a demanda é muito grande. Conforme as pessoas vão tendo conhecimento da ONG, elas vão pedindo socorro e diante de uma situação de cachorro morrendo, atropelado, como você vai dizer não? Pois sabemos que se falar não é morte é sofrimento. Então a nossa conta está na situação que está devido a isso”, afirma a presidente da ONG, Luciana Braga.

Além destas despesas, a ONG ainda soma dívidas com remédios e alimentação de animais já resgatados e que ainda não foram adotados.

Na sede da ‘Latidos do Bem’, estão diversos cães que aguardam voluntários para um lar temporário, ou por uma adoção consciente.

Para amenizar os custos, rifa, bazar e a venda de produtos pet, são ofertados por redes sociais. Você também pode ajudar na solução deste problema.

“A doação em dinheiro pode ser direto na clínica, na Prontovet Hospital Veterinário. Os produtos são vendidos na sede da ONG ou pelas redes sociais. Estamos com rifa, bazar, fazendo de tudo um pouco para amenizar essa conta”, conta.

Atualmente a ONG conta com parcerias para continuar os projetos.

A ajuda pode ser desde a adoção de um dos animais resgatados ou com a doação de insumos para manter as ações.

“Toda ajuda é muito bem vinda e com certeza faz toda a diferença. A verdade é toda ajuda salva vidas”, finaliza.

Outras informações podem ser adquiridas pelo Instagram da ONG ou pelo telefone (45) 99900-6539.

Por Fábio Wronski

Fonte: CGN

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.