Covardia: Polícia apreende aves usadas em rinhas no Jacaré, no Rio

Covardia: Polícia apreende aves usadas em rinhas no Jacaré, no Rio
Arena usada como local de rinha no Jacaré / PMERJ

Policiais do Comando de Polícia Ambiental (CPAM) da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PMERJ) chegaram a um local usado como cativeiro de aves, no Jacaré, na zona norte do Rio.

A operação foi resultado de denúncias realizadas por meio do programa Linha Verde, do Disque Denúncia. No local, foram encontradas 65 aves, entre galos e galinhas, que eram usados em rinhas.

Os policiais relataram que, no local, havia arenas para as brigas de galos. Também foram apreendidos medicamentos e instrumentos, como bicos de aço e tesouras de pinça.

As aves, segundo os agentes, estavam submetidas a intensos maus tratos, presas em locais sem ventilação e luminosidade, além de não terem acesso adequado a água e comida.

Todo o material apreendido, bem como o responsável pelo local foram encaminhados para a Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente para o registro da ocorrência.

Usar animais em rinhas de quaisquer espécie constitui crime. Denúncias podem ser feitas pelo número 2253-1177.

Fonte: O Dia via Tabloide Carioca

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.