Crocodilo morde turista que fazia selfie na Tailândia

Crocodilo morde turista que fazia selfie na Tailândia
Turista francesa foi mordida por crocodilo enquanto tentava fazer uma selfie com o animal no Parque Nacional Khao Yai, em Bagcoc, na Tailândia (Foto: Khao Yai National Park / AFP)

Um crocodilo selvagem mordeu no domingo (1º) uma turista francesa que tentava fazer um selfie junto ao perigoso animal em um grande parque nacional tailandês ao norte de Bangcoc. A vítima foi levada ao hospital, mas está fora de perigo.

“Quis fazer um selfie com o crocodilo que descansava no rio. O animal foi surpreendido e a mordeu na perna”, explicou à AFP um funcionário do parque Khao Yai, que pediu o anonimato.

Meios de comunicação locais publicaram várias fotografias que mostram guardas florestais transportando em uma maca a turista, que estava com o joelho enfaixado.

Também divulgaram imagens do rio tingido de vermelho devido ao sangue, diante de uma placa que alertava que a área era perigosa.

“Nesta área do parque há um sinal que indica que aqui vive um crocodilo e que as pessoas podem observá-lo a partir da plataforma, mas suponho que ela quis vê-lo mais de perto”, acrescentou o funcionário.

Antigamente, os crocodilos siameses eram comuns no sudeste da Ásia, mas a sua presença foi reduzida drasticamente devido à caça e à destruição do seu habitat natural.

Fonte: G1


Nota do Olhar Animal: Transformar os parque naturais em algo similar a zoológicos, permitindo tal proximidade dos humanos com os animais, dificilmente não resultará em danos para os bichos e para os humanos, como neste caso.

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.