Crueldade contra animais impacta moradores do bairro Paraná, em Iguatu, CE; gatos envenenados e espancados

Crueldade contra animais impacta moradores do bairro Paraná, em Iguatu, CE; gatos envenenados e espancados

Moradores da rua Stenio Medeiros, no bairro Paraná, Iguatu, têm denunciado atos cruéis que vêm ocorrendo na comunidade nas últimas três semanas. Gatos têm sido encontrados envenenados e até mesmo espancados, deixando a população indignada. Já há algum tempo, alguns felinos desapareceram misteriosamente, intensificando a preocupação dos moradores.

A situação atingiu um ponto em que os próprios residentes se mobilizam, recorrendo aos próprios recursos financeiros na tentativa de salvar esses animais indefesos. Diante da gravidade dos acontecimentos, a comunidade planeja realizar uma denúncia formal à polícia, buscando justiça para os responsáveis por esses atos de crueldade.

Crime Ambiental e Consequências Legais: O que fazer em caso de suspeita de envenenamento?

A prática de envenenamento de animais está prevista na Lei de Crimes Ambientais (Lei Federal 9.605, de 13/02/98). De acordo com o artigo 32 da referida lei, configuram crime ambiental as ações que envolvem abuso, maus-tratos, ferimentos ou mutilação de animais silvestres, domésticos ou domesticados, sejam eles nativos ou exóticos. As penalidades incluem detenção, variando de três meses a um ano, além de aplicação de multa.

Diante desse contexto, é fundamental que os moradores estejam cientes de seus direitos e da legislação vigente. Em caso de suspeita de envenenamento de animais, é aconselhável acionar as autoridades competentes, como a polícia local, e apresentar as evidências disponíveis. A denúncia é crucial para que medidas legais sejam tomadas, contribuindo para a proteção dos animais e a punição dos responsáveis por tais atos repulsivos.

A comunidade, unida na busca por justiça, espera que a denúncia formal à polícia leve à identificação e responsabilização dos envolvidos nesses atos de crueldade, garantindo um ambiente mais seguro e respeitoso para os animais do bairro Paraná, em Iguatu.

Por Paulinho Neto

Fonte: Fatos News

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.