Denúncia de maus-tratos leva polícia a cachorro com focinho lacerado em Blumenau, SC

Denúncia de maus-tratos leva polícia a cachorro com focinho lacerado em Blumenau, SC
Cachorro foi encontrado com ferimentos graves no focinho. - Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil flagrou uma cena chocante na noite desta sexta-feira (26) em Blumenau. Mesmo de folga, policiais atenderam um pedido de apoio da Aprablu (Associação de Proteção Animal de Blumenau), relacionada a uma denuncia de maus-tratos.

Cachorro foi encontrado com ferimentos graves no focinho. – Divulgação/Polícia Civil

A ocorrência foi registrada por volta das 23h, no bairro Progresso. Protetores e policiais encontraram um cachorro preso a uma corrente, com o focinho lacerado, em casa. O animal foi resgatado e levado a uma clínica veterinária para receber os cuidados médicos.

A tutora do cachorro, uma mulher de 62 anos, foi detida em flagrante e encaminhada à Central de Polícia, onde aguarda para saber de responderá pelo crime de maus-tratos presa ou em liberdade, já que não cabe fiança. Se condenada, a mulher pode pegar uma pena de dois a cinco anos de reclusão.

O delegado Egídio Ferrari, responsável pelo grupo de trabalho da Polícia Civil que combate maus-tratos aos animais gravou um vídeo falando sobre o caso. Assista: 

“Somos policiais civis atuando de forma voluntária na causa animal. Não deixamos de cumprir nossas obrigações. Continuamos investigando homicídios, tráfico de drogas, etc, porém não podemos nos omitir quando recebemos denúncias graves de maus-tratos como essa”, escreveu Ferrari em uma rede social.

Denúncias de maus-tratos contra animais em Blumenau podem ser feitas através do WhatsApp, no número (47) 3326-1190.

Por João Victor Góes 

Fonte: ND Mais

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.