Denunciada a realização de brigas de carneiros em Azpeitia, Espanha

Denunciada a realização de brigas de carneiros em Azpeitia, Espanha

O partido ecologista Equo encaminhou denúncias para a Câmara dos Deputados, para o Governo Basco e para a Promotoria.

Tradução de Flavia Luchetti

Espanha Azpeitia brigas carneiros

O partido ecologista Equo apresentou várias denúncias, por vias administrativas e criminais, de supostos maus-tratos a que dois animais foram submetidos durante uma luta de carneiros, na praça de touros de Azpeitia, País Basco, na Espanha. A organização explicou, em um comunicado, que enviou denúncias para a Câmara de Deputados de Guipúzcoa, ao Governo Basco e a Promotoria depois que tomou conhecimento de um vídeo postado nas redes sociais em que se podia ver a briga de carneiros em Azpeitia. A organização animalista local,Oinatz Animalista Taldea, também repercutiu a situação e advertiu a Prefeitura de Azpeitia, que por sua vez disse estar “estudando os fatos” e assegura que, pelo menos em 2016, nenhum espetáculo deste tipo foi realizado na praça de touros.

“Os animais batem fortemente o crânio e a galhada até o desfalecimento”, ressaltou o grupo Equo, garantindo que se trata de “uma atividade habitual no município”. “É anacrônico que ainda sejam promovidos eventos que, sem nenhum tipo de justificação, provoquem o sofrimento como forma de divertimento”, argumenta o grupo animalista, relembrando que “o Tratado Europeu de Amsterdã de 1997 reconhece aos animais vertebrados como seres dotados de sensibilidade não só física, mas também psíquica, que podem sentir dor, sofrimento e agonia”.

A Equo entende que esta atividade viola a Lei de Proteção Animal e a Lei de Espetáculos Públicos e Atividades Recreativas, e por esse motivo apresentou duas denúncias administrativas, além de fomentar um processo penal.

O Conselho Municipal está estudando o ocorrido e a Prefeitura de Azpeitia emitiu um comunicado explicando que desde 1941 a praça de touros é cedida a particulares que organizam espetáculos relacionados com os tradicionais esportes rurais bascos. “A própria prefeitura de Azpeitia não organiza nenhum espetáculo na praça de touros”, afirmou, relembrando que foi a organização Oinatz Animalista Taldea quem advertiu que as brigas de carneiros estavam sendo realizadas. “Além do mais, no dia 19 de fevereiro uma pessoa telefonou para a Prefeitura fazendo a mesma pergunta e ontem soubemos que aparentemente ela denunciou o caso”, comentou.

A Prefeitura continua afirmando que estes fatos estão sendo averiguados e insiste que, de qualquer forma, eles não foram realizados neste ano. Também foi enviado um documento aos particulares que organizam os esportes rurais para que “suspendam o evento, no caso de que ainda pretendessem organizá-lo”. “A Prefeitura e a Câmara Municipal comunicaram que não vão admitir nenhum abuso animal e, além do mais, tomará as decisões necessárias de acordo  com estrito cumprimento da lei que exige o uso adequado da praça de touros por parte dos organizadores particulares”, concluiu.

Fonte: Noticias de Gipuzkoa

Mais notícias

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.