Deputada apresenta projeto de fechamento do zoológico de Aracaju, SE

Deputada apresenta projeto de fechamento do zoológico de Aracaju, SE

A pauta em torno do fechamento do zoológico do Parque da Cidade, localizado em Aracaju, permanece sendo uma das principais bandeiras da deputada estadual Kitty Lima (Cidadania). Desde o início do mandato a parlamentar tem buscado a construção de um diálogo com os mais variados órgãos dos governos estadual e federal e na última segunda-feira (5), foi a vez de iniciar as conversas com o superintendente da Superintendência de Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Sergipe, Ailton Rocha.

No encontro, Kitty explicou o projeto apresentado pelo seu mandato, que inclui a transformação do atual zoológico em um Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas), além da destinação dos animais abrigados hoje no local. A obra seria feita a partir da verba de compensação da Central Elétrica de Sergipe S.A (Celse). “É um objetivo do nosso mandato e eu tenho feito essa maratona, de órgão em órgão do Governo do Estado, para garantir, o quanto antes, o fim do sofrimendto dos animais que ali se encontram”, relatou Kitty.

A deputada alertou ao superintendente que a problemática do zoo tem sido disseminada e que vários protetores animais têm somado forças ao seu mandato para uma eventual mobilização pelo seu fechamento. “Nós, que defendemos os animais, temos ciência de que aquilo é um crime contra os bichos de grandes proporções.”, ressalta.

O apelo foi recebido por Ailton Rocha, que solicitou o projeto produzido pelo mandato da deputada para que as devidas providências sejam tomadas a fim de que a transformação do zoológico seja incluída na verba de compensação, a qual anteriormente só previa uma obra estruturante na Área de Proteção Ambiental (APA) do Parque da Cidade.

Retorno a Celse

No último mês, Kitty Lima se reuniu com o presidente da Celse, Pedro Litsek, para tratar da contrapartida ambiental da empresa no Estado de Sergipe. No encontro, o presidente explicou à deputada que existem mais dois projetos disputando a contrapartida da empresa além da criação do santuário. Ambos envolvem a criação de um parque natural em área ambiental no estado.

Após o encontro, Kitty Lima deliberou uma nova reunião, desta vez com o comitê da Celse responsável pela decisão. “Vamos procurar esse comitê para discutir a bandeira e a ideia de que o projeto escolhido seja nos termos que defendemos de transformação do zoológico do Parque da Cidade”, conclui Kitty.

Fonte: A8SE via R7

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.