Dois elefantes são resgatados em Bangladesh depois de 4 dias bloqueados em uma praia

Dois elefantes são resgatados em Bangladesh depois de 4 dias bloqueados em uma praia
Habitantes observam elefante perdido em praia perto da cidade de Teknaf, em Bangladesh - AFP

Dois elefantes selvagens asiáticos foram resgatados de uma praia em Bangladesh nesta quarta-feira (30), depois de passarem quatro dias sem comida, perdidos e intimidados pela curiosidade dos habitantes.

O macho e a fêmea resgatados estão agora sendo levados para colinas arborizadas da cidade costeira de Teknaf, informaram as autoridades de Bangladesh.

O casal de elefantes chegou ao local no sábado atravessando o rio Naf, fronteira natural entre Bangladesh e Mianmar, e depois se perderam.

 Centenas de habitantes, “intimidados” pela sua presença, os levaram para uma praia desprovida de qualquer vegetação, onde os animais passaram quatro dias vagando sem se alimentar, contou à AFP Fazlul Haque, vereador de Teknaf.

A presença dos elefantes selvagens é temida nos povos da região.

“Tivemos a amarga experiência de perder colheitas e até mesmo vidas por causa de elefantes, que podem ficar muito agressivos”, disse Jahid Hossain, um antigo morador da cidade.

Muito nervoso por causa das milhares de pessoas que foram vê-los na praia, o casal de elefantes acabou se refugiando em águas pouco profundas em uma parte do mar do golfo de Bengala. Os animais ficaram lá por horas, até que pescadores a bordo de embarcações conseguiram levá-los de volta à praia com a ajuda de cordas, segundo as autoridades.

“Os pescadores os salvaram de uma morte certa”, declarou o chefe do Departamento de Florestas, Humayun Kabir. “Estavam com fome”, disse, e acrescentou: “ontem estávamos muito preocupados com a sua saúde”.

Segundo ele, o casal de elefantes provavelmente ficou separado de sua manada durante a migração anual. “O desvio de elefantes é um fenômeno que se tornou frequente”, destacou.

O Departamento de Florestas registrou a morte sem explicação de sete elefantes selvagens da Ásia na região desde o ano passado.

Os elefantes selvagens percorrem as colinas adjacentes do sul de Bangladesh e dos estados de Chin e Rakjin (oeste de Mianmar), cujas florestas são alguns de seus lugares preferidos.

No entanto, não podem tomar a rota migratória de Gudum, no estado de Rajin, porque vastos territórios foram destruídos pela passagem de centenas de milhares de refugiados rohingyas que fugiram de Mianmar a partir de 2017.

Fonte: Isto É

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.