Dois leões salvos das guerras no Oriente Médio vão para refúgio na África do Sul

Dois leões salvos das guerras no Oriente Médio vão para refúgio na África do Sul
Um leão chamado Simba, que foi resgatado do Iraque pelo grupo dos direitos dos animais Four Paws, está preparado para partir do Santuário de Animais Al-Ma'wa, perto de Souf, no norte da Jordânia.

SOUF, Jordânia: Dois leões africanos resgatados de zonas de guerra no Iraque e na Síria estão indo para um lar permanente na África do Sul depois de descansarem na Jordânia, onde se recuperaram de traumas físicos e psicológicos.

Os leões foram persuadidos com pedaços de carne em caixotes de metal em 18 de fevereiro antes de serem carregados em um caminhão de carga que os levou para o aeroporto internacional da Jordânia.

O grupo de direitos dos animais Four Paws International salvou em 2017 Saeed e Simba em operações audaciosas em zonas de guerra: do Magic World, fora de Aleppo, na Síria, e do zoológico de Mosul, no Iraque.

A maioria dos animais desses zoológicos havia morrido durante os conflitos em curso na Síria e no Iraque.

Os dois leões chegaram emaciados, desidratados e psicologicamente traumatizados ao Santuário de Animais Al-Ma’wa na Jordânia, no ano passado.

Eles receberam cuidados veterinários, incluindo vasectomias e tratamento dentário. Eles ganharam peso com uma dieta constante, com carne de cordeiro como uma guloseima especial.

Saeed, de dois anos, agora se aproxima das pessoas pedindo coçadinhas na cabeça e brinca com seu treinador principal, Saif Rwashdeh.

“Ele corre até o caixote, mesmo que não haja carne dentro, então sai e depois corre de volta”, disse ele.

Rwashdeh está viajando com os leões para Johanesburgo, África do Sul, via Doha, no Catar. Ele ficará com eles durante duas semanas para ajudar a dupla a se adaptar ao santuário sul-africano Lions Rock, que abriga animais selvagens e mais de 90 grandes felinos.

“Ele é um tipo feliz, ele adora a interação”, disse Diana Bernas, principal cuidadora de animais em Al-Ma’wa, enquanto coçava Saeed, de olhos fechados e presunçosos, inclinando-se contra seus dedos. “Ele é um leão perfeito”.

Os jovens leões estão numa idade madura para a socialização e precisam de interação com grupos maiores de leões, disse Bernas.

“É meio triste, mas sabíamos que ele só estaria aqui temporariamene, então estamos felizes que ele esteja indo rumo ao sol africano”.

Um leão chamado Saeed, que foi resgatado da Síria pelo grupo dos direitos dos animais Four Paws, está preparado para partir do Santuário de animais Al-Ma’wa, perto de Souf, no norte da Jordânia.
Dois leões africanos resgatados do Iraque e da Síria devastados pela guerra estão sendo transportados para um lar permanente na África do Sul, depois de uma estadia provisória na Jordânia, onde se recuperaram de traumas físicos e psicológicos.

Tradução de Alda Lima

Fonte: Arabnews 

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.