Dupla é detida por caça ilegal e maus-tratos a cães em Canápolis, MG

Dupla é detida por caça ilegal e maus-tratos a cães em Canápolis, MG
Segundo a Polícia, cães estavam em uma gaiola; eles estavam cansados e não tinham acesso a comida e água — Foto: Polícia de Meio Ambiente/Divulgação

Duas pessoas do sexo masculino, que não tiveram as idades divulgadas, foram detidas na noite deste sábado (1º), em Canápolis, por caça ilegal de animais, porte ilegal de arma de fogo e maus-tratos.

Os policias de Meio Ambiente de Ituiutaba realizavam patrulhamento pelas estradas vicinais de Canápolis quando viram a dupla em um carro com placas de Buriti Alegre (GO). Na carroceria do veículo os militares encontraram sete cães e uma caixa de isopor contendo um javali abatido, segundo a Polícia de Meio Ambiente.

De acordo com a Polícia, os cachorros estavam dentro de uma gaiola pequena presa à carroceria do carro. Eles estavam estressados, fatigados, exaustos e sem alimentação e água, constatando assim a prática de maus-tratos.

“Apesar do manejo correto do javali ser permitido, quem não tem a documentação necessária para o manejo e também para arma, configura o crime de caça. Eles receberam voz de prisão por maus-tratos pois os animais podem ser usados no manejo do javali, mas de forma adequada”, explicou o sargento Eduardo.

Javali abatido foi encontrado no veículo dos suspeitos — Foto: Polícia de Meio Ambiente/Divulgação
Javali abatido foi encontrado no veículo dos suspeitos — Foto: Polícia de Meio Ambiente/Divulgação

Questionamentos

Os militares questionaram os indivíduos sobre como eles teriam abatido o animal. Foi realizada uma varredura no terreno após várias contradições dos suspeitos. Duas armas de fogo foram encontradas escondidos no meio da vegetação.

Os suspeitos confirmaram que as armas eram deles, mas que não tinham registro e cadastro no Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) para manejo da fauna exótica.

Armas e facas apreendidas com a dupla — Foto: Polícia de Meio Ambiente/Divulgação
Armas e facas apreendidas com a dupla — Foto: Polícia de Meio Ambiente/Divulgação

Os dois receberam voz de prisão por porte ilegal de arma de fogo, maus-tratos e prática ilegal de caça de animais. Além de multa no valor de R$ 8.210,40, os autores foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Ituiutaba, onde foi ratificado flagrante pela autoridade policial de plantão.

Os cães, duas armas, 11 munições calibre 44, 10 cartuchos calibre 32, o javali abatido, quatro facas, dois rádios transceptores e o carro, foram encaminhados para a Delegacia junto com a dupla.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.