Égua fica ferida em corrida clandestina e é sacrificada após ser abandonada em estrada

Égua fica ferida em corrida clandestina e é sacrificada após ser abandonada em estrada
Égua foi abandonada e coberta com galhos em Pedro Afonso — Foto: Divulgação

Uma égua adulta foi abandonada agonizando na beira de uma estrada vicinal em Pedro Afonso, na região central do Tocantins, após se ferir em uma corrida clandestina. O delegado Gilberto Augusto da Silva informou que o animal foi encontrado nesta segunda-feira (24) por policiais militares ambientais que passaram no local e precisou ser sacrificado.

Segundo testemunhas, a égua quebrou a pata durante um acidente na corrida no fim da tarde do domingo (23). O dono ainda teria tentado socorrer o animal durante a noite, mas desistiu e arrastou o animal para o acostamento da pista durante a manhã.

O delegado informou que veterinários da Adapec que examinaram a égua constataram sinais de maus-tratos anteriores a corrida. Os mesmos profissionais disseram que não havia chance de recuperação e recomendaram o sacrifício. Isso foi feito com um tiro na cabeça disparado por um policial militar.

O dono do animal já foi identificado pela polícia e será intimado a depor ainda esta semana. Ele pode responder pelo crime de maus-tratos. A pena prevista é de até um ano de prisão.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.